Na Argentina, Facebook amplia opção de sexo personalizado

Agora, usuários argentinos poderão escolher entre diversos gêneros novos, como transexual e andrógino, segundo o jornal Clarín. Com a função, os “hermanos” serão os primeiros da América Latina a poderem escolher gêneros diferentes de masculino e feminino em seus perfis na plataforma.

Facebook Argentino

Para elaborar os novos termos disponíveis, – como andrógino, transexual, intersexual, entre outros -, o Facebook teve ajuda da Comunidade Homossexual Argentina (CHA). Vale lembrar que os usuários têm a opção de manter seu gênero privado e qualquer mudança não aparece na linha do tempo dos amigos.

O objetivo da empresa é que todas as pessoas se sintam confortáveis falando de si mesmas pela rede social. “De todas as conquistas, a mais importante é a de sentir orgulho pela sua identidade sexual. Que possa exibi-la livremente em seu perfil é uma maneira de reivindicar. O Facebook oferecendo esta possibilidade é uma boa forma de educar a sociedade”, disse o presidente da CHA, César Cigliutti, ao jornal.

A função foi lançada pelo Facebook em fevereiro nos Estados Unidos, e desde então, estava disponível para França, Espanha e Reino Unido. Ainda não há previsão para o lançamento da opção em português do Brasil.

Deixe uma resposta