A importância da internet para o seu negócio

A internet cada vez mais faz parte ativa da vida das pessoas, e atualmente o mundo é globalizado e conectado. Quando você procura um serviço ou uma empresa, a primeira coisa que faz é realizar uma busca na internet. Hoje, aproximadamente 70 milhões de brasileiros estão online, seja em casa ou no trabalho, passando em média 27 horas por mês conectados, se informando, se comunicando, trocando dados ou comprando, e é fundamental saber se comunicar com esse enorme público.


O primeiro e mais simples objetivo é você ser encontrado. O fortalecimento da marca, seu posicionamento, maior alcance e, consequentemente, melhor relacionamento com clientes e aumento das vendas, também são outros pontos que são possíveis alcançar estando na internet.

A Importância da Internet
Você ouvirá muito sobre outras estratégias de marketing digital, como marketing viral, mobile marketing, ações nas redes sociais, advergaming, etc. Enfim, uma gama de alternativas a serem empregadas para que sua empresa tenha sucesso na web. Porém, o mais importante é ter um conteúdo compatível com seu consumidor, personalizado para sua empresa e segmento, ter o conhecimento a seu favor, ter uma estratégia de atuação consistente e, assim, colher bons resultados.


Hoje, a Odesign possui casos de sucesso administrando páginas no Facebook e demais redes sociais, como as da FreeSurf, Jeimons, CodeSkateboard, além de outras, todas com foco em seus respectivos públicos, construindo um engajamento e interação eficazes, fazendo com que sua marca, cada vez mais em evidência, traga mais clientes em potencial, pessoas e fãs que realmente fortalecerão sua posição na rede.

Presidente do Google Brasil diz que internauta está mudando

O usuário de internet está mudando. Este foi o mote do Think with Google, evento da empresa americana realizado no Brasil que aborda em sua sexta edição temas da internet relacionados à educação, varejo, imóveis e finanças. Na rodada de palestras sobre varejo desta quarta-feira, o presidente do Google Brasil, Fábio Coelho apontou mudanças dos internautas ligadas ao consumo de conteúdo, como o vídeo.

“A gente tem um usuário cada vez mais transformado pela tecnologia. E temos um país mudando”, disse Coelho, para uma palestra repleta de profissionais da área de varejo e profissionais de agências de marketing. “Quando a gente fala de mídia, falamos de vídeo. Nunca se viu tanto vídeo como se vê hoje”, completou.

think-with-google

O discurso foi reforçado pela head de marketing e consumer insights do Google, Maria Helena Marinho. Entre as mudanças abordadas por Helena, a multitela (tablet, smartphone e TV de forma simultânea) já é utilizada por 40 milhões de brasileiros, sendo que 30% deles usam mais de um dispositivo móvel para concluir a compra.

Um dos motivos do crescimento para a executiva é que a internet não é mais elitizada. “A internet não é mais uma coisa de elite. Da população conectada, hoje a maioria é da classe”, disse Helena, ao mostrar um crescimento que mostra 54% dos internautas brasileiros são da Classe C. “O brasileiros está hiper conectado, ele tem hiper mobilidade e consome hiper informação. Ele está hiper entretido”.

A diretora de negócios da companhia americana, Claudia Sciama realçou que as mudanças estão cada vez mais curtas, pois o “ciclo de atualizações e inovações” está cada vez menor. Ela cita como exemplo o crescimento de buscas durante a Copa do  Mundo.

think-google

“A Copa do Mundo foi realmente muito boa, uma revolução digital. A internet teve três vezes mais acesso no período. Teve site de compras com pico de acesso maior que a Black Friday”, explica Claudia. “Sim, está havendo uma mudança do internauta, mas não é uma ‘canibalização’”.

PUSH-think-with-google3-724x560

Empresas e consumo
Durante o evento, o Google ainda trouxe representantes de empresas para dar seus exemplos de como o cenário está mudando. Helissom Lemos, country manager do Mercado Livre, disse que as mudanças são positivas, em especial com as novas formas de dispositivo móveis. “Hoje, cerca de 30% dos nossos usuários de nossa plataforma vem de dispositivos móveis”, afirmou Lemos.

Para Ilca Sierra, gerente de marketing do Magazine Luiza, o uso do Youtube auxiliou na expansão de sua marca durante a “Liquidação Fantástica”, promoção da empresa que acontece no começo de todo ano. A companhia de varejo brasileiro conseguiu atrair internautas para uma transmissão em tempo real via Youtube, mesmo com o seu site fechado durante as vendas, que dão até 70% de desconto.

“Através da transmissão ao vivo, nós conseguimos mostrar para os outros cinco mil municípios do Brasil como é a promoção em lugares que não têm loja”, explicou Ilca. Ao todo, a empresa teve 5,1 milhões de reproduções no período de 14 horas de transmissão.

Em outra palestra, a diretora global de vendas do Google Shopping, Shawn Salmon, afirmou que embora 80% dos usuários do Brasil tenha smartphone hoje, ainda há o problema da qualidade do acesso.

Por fim, o professor da Wharton University especializado em consumo, David Bell, ainda afirmou que o consumidor da internet vive em uma “jornada” e que eles querem produtos tanto off-line (fora da rede, no mundo físico), como online.

Microsoft poderá mudar o nome do Internet Explorer

A Microsoft está considerando mudar o nome de seu navegador, o Internet Explorer (IE). Durante uma sessão de perguntas e respostas na rede social Reddit, um engenheiro da empresa americana revelou que a mudança da marca e do nome está sendo discutida “internamente”.

“Eu me lembro de particularmente uma longa conversa no e-mail com uma série de pessoas debatendo. Muitas ideias foram aparecendo sobre como podemos nos separar das percepções negativas que não refletem mais nosso produto nos dias de hoje”, afirmou Jonathan Simpson, engenheiro da companhia.

Simpson ainda recorda que essa discussão foi bem recente, apenas algumas semanas atrás.

internetexplorer9aerosnapweb

Atualmente, o Internet Explorer possui 58% do mercado, quase o triplo do seu principal concorrente, o Google Chrome, segundo pesquisa da Net Applications. No entanto, a companhia perdeu terreno nos últimos anos – em 2003 a fatia de mercado da Microsoft era de 95%.

Uma das razões para a perda de espaço é a entrada e aperfeiçoamento de browsers como Opera, Safari, Firefox e o Chrome. Outro motivo foram falhas de segurança em versões anteriores, como a lacuna de atualização no IE6.

“Não é um sentimento bom. Especialmente sabendo que muitas vezes a decisão de não usar Internet Explorer está baseada em uma experiência de uma década atrás, em um IE muito diferente”, disse Simpson.

Veja Esse Mundo

COM OLHOS NO FUTURO (mas com foco na diferenciação sempre), mudamos todo nosso formato de negócio em 2014, visando desenvolver trabalhos ainda mais consistentes, e dividimos toda nossa estrutura, a reorganizando para atuarmos de maneira ainda mais integrada e dinâmica. Nesse processo de divisão em plataformas e áreas de atuação, optamos pelo formato de PACOTES DE SERVIÇOS – uma maneira simples e organizada de oferecer para cada um de nossos clientes (os que já são e os futuros) o melhor dos nossos serviços. Pacotes de serviço para o que cada um negócio precisa, e dentro do investimento que cada um deles planeja fazer.

Pacotes Odesign

Nosso propósito, no entanto, permanece o mesmo: gerar sites, sistemas e peças gráficas e de comunicação que sejam diferenciadas. Afinal, somos uma empresa de comunicação ímpar, e nossos clientes precisam de uma comunicação integrada, que siga uma linha e mostre sempre, através de conceitos fortes e adequados, o que a sua marca quer deixar impresso no mundo. Mas estamos fazendo isso de um jeito novo!

Tenha junto da sua marca nossas soluções únicas em design, comunicação estratégica e interatividade para a web. Odesign 2014 – comunicação completa em todas as plataformas. E na medida certa para o seu negócio!

Saiba mais sobre nossos planos:
http://odesign.com.br/pacotes.html

Em nosso site há muito mais informações:
http://odesign.com.br/